Bem vindo ao Arinos Notícias, Sexta-Feira, 15 de Dezembro de 2017
Noticia
     
7 de Dezembro, 2017 - 10:05
Energia elétrica lidera as reclamações no Procon em Mato Grosso

O Procon Estadual, órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), registrou 2.851 atendimentos no mês de novembro. Por meio do Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec), foram 1.955 registros, enquanto o atendimento online registrou 896 reclamações em Mato Grosso.

No Sindec, o maior número de reclamações está relacionado ao setor de Serviços Essenciais, com 1.213 atendimentos. No topo da lista está Energia Elétrica, com 721 registros, seguido por Água e Esgoto, que teve 266 reclamações, e Telefonia Celular, com 149.

Em segundo lugar está a área assuntos financeiros, com 299 reclamações: 102 para a categoria banco comercial, 61 para cartão de crédito e 38 para outros contratos.

A área serviços privados ocupa o terceiro lugar do ranking negativo, com 202 atendimentos, sendo 53 para tv por assinatura (cabo, satélite, entre outras.), 30 para escola (pré, 1º, 2º graus e superior) e 21 para estabelecimento comercial (supermercado, lojas, padaria, locadora, frutaria).

Já a área produtos, com 193 registros, está na quarta posição do ranking de atendimentos presenciais, sendo 30 para telefone (convencional, celular, interfone, etc.), 15 para eletrônico importado e 11 para internet.

A categoria saúde aparece em quinto lugar, com 22 reclamações, seguida de habitação, com 19 registros, e alimentos com sete reclamações.

Integram o banco de dados do Procon Estadual os registros efetuados na sede do órgão e nos postos de atendimento do Ganha Tempo da Praça Ipiranga, da Assembleia Legislativa e do Ganha Tempo do Várzea Grande Shopping.

Por meio da plataforma o Procon registrou 896 reclamações. A área telecomunicações foi a mais demandada, com 364 registros. Em segundo lugar, estão os serviços financeiros, com 289 reclamações; e em terceiro, produtos de telefonia e informática, com 124 registros.

Na quarta posição da plataforma, está a categoria demais produtos, com 39 reclamações e, em quinto lugar, aparece a categoria transporte, com 30 reclamações. O sexto lugar é ocupado pela área produtos eletrodomésticos e eletrônicos, com 29 registros, e o sétimo pela categoria demais serviços, que teve 14 registros. Em oitavo lugar, com três reclamações, está a área saúde seguida por turismo/viagens, em nono lugar, com dois registros.

as categorias água, energia e gás, alimentos tiveram ambas uma reclamação registrada, já educação e habitação não tiveram registro no mês de novembro na plataforma.

Fonte: Redação Só Notícias
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
* O Arinos Noticias não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
mais notícias
14/12/2017
13/12/2017
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
enquete
O que você prefere ler?
Polícia
Política
Agronegócios
Variedades
Educação

Se nenhuma das opções sugeridas for de sua escolha, mande sua sugestão através do menu contato
Copyright © 2017 - Arinos Notícias